À Noite Andamos em Círculos  Ver em ecrã inteiro

À Noite Andamos em Círculos

25,00 € IVA incluído

Entrega até 4 dias úteis (Portugal)

Produto novo

 Um presidente, o seu filho e um criado. Nelson era criança, na altura, mas recorda-se da celeuma em torno de uma peça a três interpretada pela Diciembre, uma pequena companhia de teatro amador, cujo director havia sido condenado por ousar, em plena ditadura, alfinetar o bom nome do estado.

Mais detalhes

0001.001.0011

Um presidente, o seu filho e um criado. Nelson era criança, na altura, mas recorda-se da celeuma em torno de uma peça a três interpretada pela Diciembre, uma pequena companhia de teatro amador, cujo director havia sido condenado por ousar, em plena ditadura, alfinetar o bom nome do estado. Quinze anos depois, sabendo do seu ressurgimento, Nelson, cada vez mais órfão de laços, concorre a uma vaga no grupo para (mais) uma digressão pelos vilarejos andinos. É numa destas orografias de última hora, já fora de cartaz, que o sonho sai a pé, devagar, com honras de estrago. «Teatro para o povo!»,dizem. Mas o fiasco ainda morde. Um presidente, o seu filho e um criado. Porque o futuro de uns, mais do que o passado de outros, já é castigo suficiente.

Daniel Alarcón nasceu em Lima, Peru, em 1977. Vive nos Estados Unidos e é professor universitário na
Universidade Columbia, em Nova Iorque. Entre as suas obras estão Guerra na Penumbra (2005)e A Rádio da Cidade Perdida (2007), obra com a qual venceu o PrémioPEN EUA. O seu último romance, À Noite Andamos em Círculos, foi finalista do Prémio PEN/Faulkner e nomeado para Melhor Romance do Ano pelo San Francisco Chronicle e pelo Washington Post. O autor está traduzidopara cerca de uma dezena de idiomas e já escreveu para a Harper’s Magazine, The New York Times Magazine, The New Yorker e para a Granta. É ainda produtor executivodo podcast de jornalismo narrativo Radio Ambulante.

ISBN978-989-747-038-7
AutorDaniel Alarcón
EdiçãoNova Delphi
ColeçãoClio
Páginas400
Dimensões135 mm x 210 mm
FormatoObra Impressa

Sem comentários de clientes de momento.

Escreva um comentário

À Noite Andamos em Círculos

À Noite Andamos em Círculos

 Um presidente, o seu filho e um criado. Nelson era criança, na altura, mas recorda-se da celeuma em torno de uma peça a três interpretada pela Diciembre, uma pequena companhia de teatro amador, cujo director havia sido condenado por ousar, em plena ditadura, alfinetar o bom nome do estado.

Produtos relacionados